Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

OuremReal

OuremReal

24.03.12

Democracia (!?)


ouremreal

Isto sim! É democracia!

No congresso do PSD, a decorrer este fim de semana, os congressistas aprovaram uma proposta da JSD no sentido da eleição dos órgãos nacionais do partido deixar de ser feita em congresso, como até agora, e passar a ser feita de forma direta pelos militantes.

Segundo a contagem da mesa do congresso os votos a favor ultrapassaram os 3/5 necessários pelo que estava aprovada. Contudo, o inesperado aconteceu: Passos Coelho sobe ao palco e avisa os congressistas sobre as consequências terríveis do que acabava de acontecer – a perda de poderes do congresso.

Para o líder do partido o perigo está no facto de serem os militantes, de forma democrática e livre, a eleger os órgãos partidários o que impediria a sua estratégia de conseguir ali, em congresso, fazer aprovar as suas propostas, com as listas já perfeitamente cozinhadas, combinadas e, certamente, com apoios garantidos.

E depois do inesperado, aconteceu o bizarro! Fernando Ruas, o presidente da câmara de Viseu, a presidir à mesa do congresso, manda repetir a tal votação e aconteceu o que era preciso que acontecesse: a proposta foi chumbada com 262 votos contra, 250 a favor e 33 abstenções.

Fez-se a vontade do líder e, assim, as listas que Passos Coelho levava no bolso, serão, certamente, alvo da maioria dos votos para tranquilidade de quem manda e desespero dos que se vêem ludibriados por estes malabaristas de ocasião.

É caso para dizer que, neste partido, a democracia é assim como a presunção e a água benta – cada um usa a que quer, quando e onde mais lhe convém.

 

 

O.C.