Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

OuremReal

OuremReal

25.10.11

IC9-CUT


ouremreal

Já todos percebemos que os nossos (des) governantes são radicalmente anti-SCUT, ou seja, tudo tem que ser com custos para o utilizador (CUT) e nada sem custos (SCUT).

Como se tudo o que é feito com recursos vindos do orçamento de Estado não seja, só por isso, com custos para todos nós, utilizadores ou não utilizadores do que quer que seja!

No que respeita às estradas a coisa começa a ficar feia demais!

Ao passar, hoje, no IC3, troço entre Entroncamento e Tomar, constatei que estão instalados os pórticos para colocação dos mecanismos para cobrança de portagens. Concluo que não são só as autoestradas que passarão todas a ser CUT’s, porque, ao que parece, há IC’s que também passarão a IC CUT’s. E, a seguir, os IP’s passarão a IP-CUT’s, as estradas nacionais EN’s passarão a EN-CUT’s, as municipais EM’s passarão a EM-CUT’s e os carreiros por onde eu corria, lá na minha aldeia, ainda passarão a carreiros-CUT.

Assim sendo, já estou a ver o IC9, do nosso (des) contentamento, que anda por aí a serpentear pelo nosso concelho e a dar chatice a muita gente, a passar a IC9-CUT e a dar mais dores de cabeça do que alegrias a quem alguma vez sonhou que essa estrada poderia ser um fator de desenvolvimento para as nossas terras.

Em meados do século passado já se pagava “a estrada”; as carroças dos burros e as bicicletas pagavam uma licença para circular e tinham uma chapinha com o número dessa licença.

Portanto, este tudo-CUT para onde estamos a ser levados, a PASSOS largos, não são nada de novo!

É uma espécie de redescoberta da pólvora!

Só que andam por aí uns curiosos, armados em pirotécnicos, a brincar com o fogo que ainda acabam por se magoar...

 

O.C.

       

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.