Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

OuremReal

OuremReal

24.08.11

Desgraças


ouremreal

- A desgraça de Sadam Hussein e do Iraque foi o petróleo. Se o Iraque não tivesse petróleo ninguém se incomodava com ele. Mas, tendo petróleo como tem, se continuasse a comercializá-lo ao jeito e à vontade dos "amigos" ocidentais, com os States à cabeça, nada de grave teria acontecido. Digo eu.

Parece que também tinha armas de destruição que davam para destruir este mundo e o outro. Só que, quando os "libertadores" lá chegaram, não havia armas nenhumas, pelo que a conclusão dos "cientistas" só podia ser uma - Sadam tinha-as engolido todas para evitar que caíssem nas mãos do inimigo.

- A desgraça de Kadafi e da Líbia foi o petróleo. Se não houvesse petróleo por ali a Líbia continuaria a ser ignorada, a ditadura era uma insignificância e o coronel continuaria a gerir aquelas tribos todas à cacetada (e à bala quando era preciso), continuaria a dar largas à sua excentricidade, de tenda às costas, por esse mundo fora. Mas, tendo petróleo como tem, se continuasse a comercializá-lo ao jeito e à vontade dos "amigos" ocidentais, com os States à cabeça, nada de grave teria acontecido. Digo eu.

- A desgraça da Somália é não estar a nadar em petróleo! Porque, se a Somália tivesse petróleo para dar e vender, o mundo ocidental estaria preocupadíssimo com aquela zona toda onde milhares de pessoas morrem de fome! Até talvez se descobrisse ali um arsenal de armas de destruição...para justificar uma intervenção mais rápida.

Mas como, ao que consta, poços de petróleo, nem por isso, e armas só as que estão nas mãos daquela bandidagem toda que anda por ali à solta e, pelos vistos, não ameçam nada importante, ninguém vai a correr "libertar" a Somália.

O que aconteceu a Sadam já todos sabemos!

O que está a acontecer no Iraque também já sabemos!

O que vai acontecer a Kadafi parece que não vai andar muito longe do que aconteceu a Sadam!

O que vai acontecer na Líbia não parece difícil de prever, porque a guerra civil que aí está tem pernas para andar e durar!

O que vai acontecer aos facínoras que, lá no tal corno de África, se vão degladiando e obrigando milhares de pessoas a deixar tudo e vaguear até que um qualquer campo de refugiados os receba? Toda a gente sabe: nada! Vão continuar a divertir-se às guerras civis. E a fabricar mais deslocados e refugiados!

O que vai acontecer a esses refugiados? Também toda a gente sabe: vão continuar a ser tratados abaixo de cão e a morrer.

E a NATO, que papel vai continuar a desempenhar nestes cenários de desgraça? Também é sabido: o mesmo de sempre! Vai bombardear onde convém e ignorar o que não convém!

A propósito: o que é que uma organização que se diz do atlântico norte terá a ver com o Iraque e com a Líbia? Será que o oceano atlântico já mudou de sítio?

Cada vez percebo menos de geografia!

 

O.C.

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.