Terça-feira, 9 de Abril de 2013
O Plano B

O governo dizia que não havia plano B para a eventualidade de algumas normas do Orçamento de Estado virem a ser consideradas inconstitucionais.

De facto, o que se verifica é que o plano B e o próprio plano são uma e a mesma coisa, apenas com argumentos diferentes. Ou seja:

- Se o Tribunal Constitucional não tem determinado a inconstitucionalidade das quatro normas, o governo tinha arrecadado os 1300 milhões de euros correspondentes a essas normas e, a seguir, retiraria mais os 4 mil milhões de uma outra maneira que ainda não tinha dito qual seria, embora andasse a falar neles há séculos; e começava a ser difícil, e urgente, arranjar argumentos para essa operação…!!!

- Como o T.C. chumbou as quatro normas, o governo respirou de alívio, fingiu que tinha ficado muito incomodado, fez a dramatização que se conhece, foi ao Presidente da República (que correspondeu com uma comunicação de apoio) para dar mais ênfase ao assunto, o sr. 1.ºministro fez um comunicado à Nação para que ficasse bem claro de quem era a culpa de tudo o que está a acontecer – do Tribunal Constitucional, claro! – chamou-se a troyca, de emergência, para dar proteção às operações, os comentadores e os analistas do regime, mais os políticos de serviço, mais alguns meios de comunicação social logo se juntaram ao coro e ficou pronto o cenário para que se possa dar início ao espetáculo.

E as primeiras cenas deixam antever que vamos assistir a um filme de terror, com cenas fortes, apesar dos artistas se revelarem medíocres.

Para começar:

- Cortes na saúde, educação, segurança social e setor empresarial do Estado;

- Cortes nos funcionários do Estado;

- Cortes nas pensões e nos vencimentos;

- Um despacho do ministro das finanças a impedir os serviços do Estado de efetuarem qualquer despesa sem a sua prévia autorização.

A seguir, logo se verá! (…???)

E tudo isto acontece assim, porque o governo não quer aumentar impostos nem acabar com o estado social… Não fora isso e não sei até onde iríamos…!!!

Em conclusão:

O plano B era o próprio plano. Apenas foi preciso encontrar o bode expiatório. Provocou-se a situação e a solução apareceu! Mais simples não há!

Podem ser uma nulidade a governar, mas a arranjar alibis… são do melhor!!!

 

O.C.



publicado por ouremreal às 20:18
link do post | comentar | favorito
|

mais sobre mim
pesquisar
 
Outubro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


posts recentes

Terrorismo

Autárquicas 2017 - result...

Autárquicas 2017

Os incêndios e os donativ...

Eleições autárquicas

O ultimato

O diabo

Os incêndios

Cristiano e o fisco espan...

O aeroporto de Monte Real

arquivos

Outubro 2017

Setembro 2017

Agosto 2017

Julho 2017

Junho 2017

Abril 2017

Março 2017

Fevereiro 2017

Janeiro 2017

Dezembro 2016

Novembro 2016

Outubro 2016

Setembro 2016

Agosto 2016

Junho 2016

Maio 2016

Abril 2016

Março 2016

Janeiro 2016

Dezembro 2015

Novembro 2015

Outubro 2015

Julho 2015

Junho 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Setembro 2014

Junho 2014

Maio 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Março 2007

Fazer olhinhos
blogs SAPO
subscrever feeds